Saltar para: Posts [1], Pesquisa e Arquivos [2]


Bem cedo partimos da Portela de Leonte.

Seguindo na direção do Prado do Conho, fui brindado com os conhecimentos de um verdadeiro homem da montanha, que a conhece e sente como poucos, falo de, Rui Barbosa. Mas, conhecimentos à parte, destaca-se o seu apurado sentido de orientação sobre os trilhos que mesmo escondidos, não escapam à sensibilidade de quem conhece bem estes recantos, quando for grande, quero ser assim.

Depois do Conho segue-se a Messe à distância e daqui em diante, entramos numa zona mais agreste. As vistas para o vale do Rio Touça com as imponentes Fechinhas é muito bonita.

Seguimos o trilho a nascente para depois flectimos a sul até chegar a Porta Ruivas. A paisagem sobre as Velas Brancas é espectacular, mas subindo a um promontório a sul, a paisagem para a Corga de Valongo e Portas do Abelheiro é sublime (esta frase paga direitos de autor: Olhares Sublimes, meu amigo de longas e duras caminhadas/aventuras que infelizmente não pode vir). 

Voltando atrás, seguimos pela face oeste da cumeada até ao Curral da Abilheirinha. Um pouco á frente, aventuramo-nos na descida para a Ribeira do Porto das Vacas, e que descida! Chegando ao Curral das Fechinhas toca a subir até ao Curral do Conho, subida longa e dura, mas revigorante! A partir daqui o caminho seria o mesmo da vinda.

Deixo aqui um agradecimento a quem completou o meu dia, Rui, António e Pedro.

Percurso pedestre: 21km em 7 horas de caminhada efectiva

Track GPS: aqui 

DSC05588.jpg

DSC05590.jpg

DSC05592.jpg

DSC05594.jpg

DSC05599.jpg

DSC05601.jpg

DSC05603.jpg

DSC05605.jpg

DSC05606.jpg

DSC05607.jpg

DSC05608.jpg

DSC05611.jpg

DSC05612.jpg

DSC05614.jpg

DSC05617.jpg

DSC05619.jpg

DSC05620.jpg

DSC05621.jpg

DSC05622.jpg

DSC05623.jpg

DSC05626.jpg

DSC05631.jpg

DSC05633.jpg

DSC05660.jpg

DSC05667.jpg

DSC05670.jpg

DSC05671.jpg

DSC05672.jpg

DSC05677.jpg

DSC05681.jpg

DSC05685.jpg

DSC05692.jpg

DSC05693.jpg

DSC05696.jpg

DSC05697.jpg

DSC05701.jpg

DSC05703.jpg

DSC05704.jpg

DSC05711.jpg

DSC05713.jpg

DSC05715.jpg

 

 

 

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado às 15:06

Janeiro de 2014, mais uma incursão no Gerês.

Desta vez para visitar os mais conhecidos prados com neve, em circunstâncias e terreno muito difíceis, na companhia de Olhares Sublimes

 

Aceda aos Track-Points GPS aqui

 

Para plataformas móveis ou ecrã inteiro clique aqui

 

Percurso pedestre

15 km

8:30 horas de caminhada efectiva (com neve métrica de muito difícil progressão)

 

Que ia haver muita neve já nós sabíamos, e tendo em conta que dois dias antes o grupo Vamos Ali com cerca de 12 elementos fez o mesmo percurso (em sentido inverso), pensei que seria algo acessível embora soubesse que a neve continuaria a cair.

As paisagens são simplesmente extraordinárias e proporcionam-nos momentos de rara beleza.

No entanto, a partir do Vidoal e com neve métrica, cada passo era um afundanço quase sempre acima do joelho, depois de passar a Freza começou o terror.

Terá nevado muito durante a noite. Do grupo que ali passou anteriormente, deixamos de encontrar rasto pouco depois de sairmos do Vidoal!

A cada passo ficávamos quase atolados. Na travessia da Lomba do Pau o nevoeiro reduzia a visibilidade a cerca de 70/80 m e na subida que antecede a descida para o Conho, foi andar de quatro, porque a neve subia já acima das ancas.

Depois a coisa melhorou um pouco e embora com tempo muito nublado, o nevoeiro desapareceu. Usufrui de paisagens que jamais esquecerei, mas andamos 6km a cerca de 1kmh.

Caminhar com neve traz imprevisibilidade e desvantagens, mas proporciona-nos momentos verdadeiramente mágicos como as fotos podem comprovar.

Mais uma vez foi arriscado porque anoitece cedo, a progressão foi francamente lenta e muito desgastante. No entanto, o meu companheiro de luta é uma máquina devoradora de kms, e só o facto de o ver caminhar torna tudo mais fácil.

 

Todavia, nestes casos em que nos primeiros kms os pés começam a ir ao fundo, o melhor mesmo é voltar para trás porque, quanto mais se sobe mais se afunda, mesmo que pensemos que a neve vai ganhar consistência com a altitude.

 

 

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado às 22:37




Lista de todas as actividades

Percursos Pedestres

Em Bicicleta

Outras Actividades e Locais



Siga-nos na rede social


Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

Carris Cópia de DSC04873 Covão da Ametade DSC06715 Prado do Mourô/VidoalDSC07099 Sombrosas DSC08749 Vale do Rio Homem valeserrantes Poço Azul valeserrantes Ecopista do Dão valeserrantes

Cascata do Arado valeserrantes

Visitantes